sábado, 19 de janeiro de 2013

Afinal, o que é um bom day after?

Fonte

Vejo muitas meninas falando sobre o day after, o dia seguinte à lavagem. O que fazer com os cabelos depois de passar 8 horas dormindo e rolando a cabeça no travesseiro de um lado para o outro? Não há cabelo que sobreviva, não é mesmo?

Eu entendo que um bom day after começa antes mesmo de dormir, quando a gente escolhe um dos métodos de proteger o cabelo, como falei aqui nesta postagem. Garantidamente, 50% do êxito em conservar os seus cachinhos depende de como você os “guarda” à noite, antes de deitar a cabeça e contar carneirinhos.

Mas ainda assim nossos cachinhos não acordam intactos. Mesmo protegidos, eles amassam e desmancham um pouco. Algumas naturais não veem outra solução senão molhar a cabeça toda e começar a estilização do zero, como se fosse o primeiro dia.

O ideal é que isso não seja necessário. Se você já adota um método de proteção do cabelo e mesmo assim ele está amanhecendo em estado de miséria, significa que talvez você precise experimentar outro método.

Eu adotei o método do lenço de cetim. Ok, não é lá o visual mais bonito que eu poderia arrumar, mas é o mais eficiente. No meu caso, ele permite que eu solte o cabelo e tenha de retocar apenas as pontas, que por serem as partes mais antigas dos fios, costumam perder hidratação mais rapidamente.

Refazendo meus cachos: 1. Cabelo ainda preso, depois de retirar o lenço;
2.  Condicionador na palma da mão;
3. Pontas desmanchadas já umedecidas com um pouco de água;
 4. O condicionador deve ser aplicado como que enluvando o produto;
5. Sempre segure acima da região com frizz para não perturbar o resto do comprimento;
 6. Por fim, é só separar os cachinhos que insistirem em ficar grudados

Achei um vídeo da Shameless Maya, uma natural que tem um tipo de cabelo bem diferente do meu mas que, curiosamente, faz o mesmíssimo procedimento que eu faço para arrumar os cachos desmanchados na manhã seguinte. A grande diferença é que, pelo fato de os meus cachos serem mais apertados, eu preciso separar mechas mais finas. Mas, basicamente, assim como eu, ela procura apenas aquelas partes com mais frizz ou mais indefinidas, para umedecer e aplicar mais leave-in.  Confira abaixo:


Como deu pra ver, arrumar os cabelos no day after não deve ser um processo estressante nem demorado. Você escolheu ser natural para ser livre, não vai querer trocar a dependência do secador pela dependência da água, não é verdade?

O cabelo do dia seguinte nunca vai ser tão perfeitamente definido, com o volume exato e brilho impecável de um cabelo recém-lavado. Ele fica com um volume diferente, às vezes até com um “formato” diferente, mas nada disso é ruim. Na verdade, é normal, e cabe a nós aprender a apreciar os visuais diversos que obtemos com o passar dos dias. Um look mais despojado, do tipo "acabei de acordar e saí linda", um cabelo mais orgânico, mais "bagunçado", todas as possibilidades tem o seu charme!

Além disso, não necessariamente você tem que usar o cabelo solto. Faça um penteado, prenda de um lado só com grampos, coloque um acessório. Às vezes é o que falta para disfarçar aquela parte com frizz e destacar os cachos que continuam legais.

E lembre-se: muito do seu sucesso no dia seguinte depende também de como você vem cuidando dos seus fios até então. Cabelos hidratados sempre responderão melhor a qualquer situação "perturbadora" a que forem submetidos e conseguirão manter a definição dos cachos por muito mais tempo.

17 comentários:

  1. Depois que aceitei que os cachos do day after nunca serão iguais aos cachos do cabelo recém-finalizado, estou conseguindo finalizar em dias alternados. Antes eu não conseguia também porque não finalizava o cabelo enluvando mecha a mecha. Hoje, mesmo que o cabelo acorde amassado, a mecha está lá e isso facilita. Acho que quando meu cabelo estiver maior vou coneseguir estilizar menos durante a semana.
    Estava com saudades de você.
    Beijão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Muleka! Obrigada pela visita!
      Tava com saudades de interagir aqui pelo blog também!
      Bjos!

      Excluir
  2. Ótimas dicas Nica, eu também não tenho muitos problemas com meu Day after. Gosto do meu cabelo de todas as formas e isso me facilita e muito a vida. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rosangela!!! Seu cabelo é perfeito até de cabeça pra baixo! :D
      Bjos!

      Excluir
  3. O problema do meu cabelo no "day after" (o meu dura uns 4 dias) nao sao as pontas, mas a raiz bem proxima da testa q fica toda esfarofada, cheia de frizz... Eu durmo parecida com vc, mas nao uso touca de cetim, fica muito feio, prefiro uma bandana antiga de algodao q tenho... Pra uma recem casada prefiro usar um rabo qdo começa a ficar feio (uns 3 dias depois de lavar, rsrs) do que dormi toda esquisita, rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dani, experimenta uma bandana que não seja de algodão... O algodão "rouba" muito da hidratação dos fios. Quando uso algum lenço que não seja de tecido sintético meu cabelo sente. Procura um lenço bonito, estampado, do tamanho da bandana e prende do mesmo jeito... Minha raiz tb vai ficando fofa; qndo ela já está demais eu procuro fazer um penteado pra disfarçar.
      Bjos!

      Excluir
  4. Quando uso a máscara Tricofort leite de cabra como leavin, consigo uns 4 day-afters, sem precisar retocar nada. Usando condicionador, passo apenas 2 dias. Você acha que tem algum problema deixar a mas´cara no cabelo, pelo fato de ela abrir as escamas?

    Muito feliz pela volta do Blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, não tenho o costume de deixar máscaras no cabelo. Quando a gente altera o uso de algum produto é na base da tentativa e erro mesmo. Veja como seu cabelo se comporta com o passar do tempo, ou alterne o uso da máscara com algum outro produto que vc considere mais seguro.
      Bjos!

      Excluir
  5. Grata pelo post muito informativo, beijo!!

    ResponderExcluir
  6. Oi Nica!! Sou exceção rsrs. Prefiro meu cabelo no 1º, 2º day after. Fica com o volume perfeito!!! O dia em que lavo é terrível: o cabelo fica tão minguado :(. No 3º day after, a raiz começa a afofar. Desenvolvi uma "técnica" que puxo essas mechas da frente e prendo com grampos atras da orelha. O cabelo do alto esconde essa mecha esticada. Garante mais 2 days afer ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cris, tb detesto o cabelo no dia que lavo pelo mesmo motivo, rsrsrs... Quanto mais tempo passa, em geral, melhor ele fica... Mais comprido, com um caimento mais natural, um volume mais natural tb...
      Bjos!

      Excluir
  7. Meu cabelo está curto e é uma mistura de 4B e 4C. Dependendo da máscara que uso ele fica ótimo, mas depois que hidrato enrolo o chamado bantu para dormir, e dependendo de como fica o dia inteiro, acabo enrolando de novo. A aparência do cabelo fica melhor.
    Que saudades de seus textos. Feliz Ano Novo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Maria Amélia! Feliz Ano Novo pra você também!

      Excluir
  8. Oi Nica faz mais ou menos um mês que aprendi a estilizar e prende como vc faz para dormir. Depois que li seus textos o day-after dura até uns quatro dias sem maiores complicações.
    Adoro seus textos. Vc mudou a vida dos meus cabelos em dois meses depois que te descobri.
    Bjs
    Andrea

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Andrea! Muito obrigada pela visita. Fico muito feliz em saber que o blog ajudou vc a lidar melhor com os cabelos!!
      Bjos!!

      Excluir
  9. Nooooossa! Me enriqueceu muito essas informações!! Estou apaixonada pelo seu blog!!!
    Siga o meu blog tb sobre cabelos crespos/cacheados.

    http://kinayabelezaafro.blogspot.com.br

    Beijocas

    ResponderExcluir
  10. Nica

    Prender o cabelo para dormir com vários elásticos folgados associada à tratamentos e uma finalização legal tem sido a combinação perfeita para os meus tão almejados day-afters!

    Há algumas semanas tem dado certo constantemente, estou muito contente com o cabelo e fiz questão de vir aqui agradecer
    sua dica.

    Super obrigada!

    ResponderExcluir